quinta-feira , junho 21 2018

Assembleia aprova e proíbe estabelecimentos de se eximirem de danos causados em veículos de clientes

A Lei se estende às empresas especializadas no serviço de estacionamento, ainda que prestem serviços terceirizados


A Assembleia Legislativa por meio de indicação do deputado Ezequiel Júnior (sem partido), aprovou o projeto de lei que proíbe o uso de placas informativas, bilhetes, cupons em estacionamentos ou similares com os seguintes dizeres: “não nos responsabilizamos por furto em veículos, roubos, danos materiais ou objetos deixados no interior de veículos”.

As proibições são especificas para Shopping Centeres e outros estabelecimentos, onde o cliente paga pelo estacionamento.

A Lei se estende às empresas especializadas no serviço de estacionamento, ainda que prestem serviços terceirizados a empresas ou instituições sem fins lucrativos ou filantrópicos. O descumprimento sujeitará aos infratores à pena de multa aplicada mediante a procedimento a administrativo de R$ 1.000,00 a R$ 300. 000,00, considerando a gravidade da infração, a capacidade econômica do infrator e a vantagem obtida.

Segundo o parlamentar, o cliente não pode ficar no prejuízo, uma vez que arcou com despesas que requer segurança de seu patrimônio.

A lei está prevista para entrar em vigor, 60 dias após publicação.


Autor / Fonte: Luiz Junior

Leia também

Decisão do STF impacta mais de meio bilhão de impostos em Rondônia

Aproximadamente quinhentos milhões por ano de impostos podem ser revertidos em créditos para empresas de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *